Google

Translate my page Google

1 de dez de 2009

Plano básico de sobrevivencia - parte 2


Tive que dar continuidade a esse capítulo, pois o tema dá margem para isso. Nossa... como dá assunto.

Esses dias um amigo foi xeretar esse meu BLOG (eu não divulgo esse BLOG entre meus amigos, apenas deixo pistas para que eles visitem. Não menciono: “visite meu Bloguinho...”, pois vou perder o amigo).


Conclusão: Ele me relatou mais tarde que primeiramente achou tudo muito gaiato e “ridículo” os temas sobre ETs, Fim do Mundo etc. Mas com o passar do tempo em que foi lendo, visitando um link e outro, assistindo os vídeos dos canais History Channel e National Geografic, a coisa foi fazendo volume na cabeça dele o que o levou a refletir sobre o assunto... Imagine se passasse tudo isso que a gente troca aqui no Fantástico?

Eu disse que primeiramente ele teve a reação de rir da coisa toda. Essa é a primeira ação que temos quando não entendemos o que se passa no ambiente. O cérebro leva um tempo para dar “boot”. Primeiro ele entra na “bios” – Burro Idiota Operando Sistema -, para então reprogramar toda a ação. Quando não se tem muita informação o processo é igualzinho a do computador, ele congela. Nossa mente é um big, big computador, acredite.


Continuando: Logo depois de “cair a ficha” o cara passou mal paca. Quando foi fazer seus exercícios matinais na academia teve uma ligeira confusão, mal estar, a vista ficou turva, suor excessivo e frio e o enjôo veio logo a seguir. Relatou uma sensação de ausência de desrealização (assistindo a tudo como fosse outra pessoa de fora) – enfim – um medo do cão tomou todo seu corpo.

Esses são sinais clássicos de uma crise de pânico. Como diria meu velho pai - que já está em outra dimensão – ele mergulhou em um estado de cagarolice total !

Isso é o que acontece quando a mente entra no processo de fuga. Ela entra em curto tentando encontrar uma melhor saída para sua questão. Não sabe se te apaga, se faz vc vomitar o que “não quer engolir”


Não sabe se te dá forças para correr ou sentar e chorar como um bebezão. Sua mente apenas está tentando encontrar uma saída para aquilo que vc está pensando.

Não entendeu? O meu amigo começou a surtar quando pensava na invasão dos Ets, no fim do mundo! Da total ausência e continuidade da sua existência. Na cabeça da gente passa de tudo na hora do pânico, pois se vc não tem elementos para resolver aquela experiência o que vc pode fazer?

Por isso eu bato nessa TECLA. Pesquisem muito. Estudem muito sobre tudo que vcs focam. Entender como a nossa mente funciona é fundamental. Entendam que vc deve dominar sua mente e não o ambiente. Se vc não souber lidar com as coisas das quais vc não entende e não tem a menor referencia, vc pira! 


Sua mente faz o que vc manda – foge daquilo que te assusta.Ou enfrenta aquilo que vc acredita com muito vigor.

Esse plano básico parte 2 é para chamar a sua atenção para coisas das quais vc não pensa, não percebe, não foca no seu dia a dia, pois está muito preocupado com as coisas do ambiente e muito pouco voltado a seu interior, seus pensamentos.

Quero chamar atenção a um problema básico que iremos enfrentar que chama-se Pandemia. O que significa a palavra PANDEMIA = uma epidemia (sintomas) de grandes proporções, que se espalha a vários países e a mais de um continente. 

Quero lembrá-los que todo sintoma é uma mensagem materializada de seu pensamento. Tudo que se passa em sua mente é refletida em seu corpo. O medo é nosso maior mensageiro. 


O MEDO bagunça nosso sistema imunológico. Ele freia o trabalho de proteção. Não é possível atacar e proteger ao mesmo tempo. Se vc atacar vai deixar a retaguarda fraca. Se vc se proteger apenas, vai ficar à mercê dos predadores... O processo deve conter um equilíbrio!

E o que fazer então? Mantenha o equilíbrio de suas emoções!
Entrar em pânico e surtar não te levará muito longe. Além de dar muito trabalho vc será presa fácil. Portanto, acalme-se sempre. As coisas vão piorar daqui para frente, mas ter conhecimento do que esperar é ter controle da situação e da emoção.


Os dias a partir de 21 de dezembro (entrada do verão no hemisfério Sul) vão ficar muito, muito quentes e vc que segue esse BLOG sabe porque. As tempestades solares vão empactar de frente conosco. Uma tempestade solar leva um pouco mais de 8 minutos para nos atingir. Esses raios não serão nada, nada benéfico daqui para frente.

Cuidado com as crianças na praia expostas até às 10h da manhã. Isso já será muito agressivo para suas peles. E esse papo de filtro solar... não serve para nada e vcs não entendem como ele funciona... Ele frita vcs! Mas isso é um outro assunto...

A Pandemia de medo, pânico, será geral quando as coisas ficarem confusas. E vc já sabe – seu organismo estará em crise no caso de vc optar em não se controlar emocionalmente. Seu organismo estará frágil e o andaço de gripe, diarréia, mal estar será geral. Carl Jung descobriu que existi um inconsciente coletivo conectado a todos os humanos o que significa que toda a humanidade compartilha uma única mente.

TODAS as grandes Epidemias na Humanidade foram durante conflitos graves de guerras, invasões de país, intolerância religiosa e carnificina. Saibam vcs. Façam uma pesquisa básica sobre a gripe espanhola e todas as mais relevantes e verá que se propagaram por conta do medo da população.

O calor nos afeta diretamente. O aumento de íons positivos no ar parece aumentar a irritabilidade, a tensão das pessoas. É fato que no final da primavera e em pico de verão sobem as taxas de suicídios e as internações psiquiátricas. Aumentam os números de crimes, assaltos e estupros.

As temperaturas altas são associadas a desconforto, irritabilidade, produção de trabalho reduzida e avaliação desfavorável de pessoas estranhas, ou seja, a gente fica muito estranho e agressivo com tudo. Muito sono, letargia também são sintomas que vc deve estar sentindo nesse momento...

A freqüência da Ressonância Shumann nos afeta e ele está baixo. Tudo isso é energia. Um campo energético que mexe conosco. As freqüências ressonantes da Terra são responsáveis pelos ritmos biológicos como o ciclo mestrual, o ciclo circadiano, assim como os padrões emocionais e de comportamento.

Esses padrões de onda ressoam na estrutura craniana de nossas cabeças e convergem para o centro de nosso hemisfério direito do cérebro para a glândula pineal. Descarte chamava essa glândula (pineal) de centro da alma onde a mente e o corpo se encontram.

“Sobrevivência envolve equilíbrio entre crescimento e proteção” – Dr. Bruce Lipton

Portanto, mantenha-se informado, mas nada de pânico, OK?

2 comentários:

  1. Olá Laura, primeiramente gostaria de agradecer a consideração que teve para comigo comentando com palavras tão bacanas. Obrigado.
    Em segundo frequento seu blog por que gosto da ''compania'' de pessoas inteligentes. Gosto de seus textos por que são bem escritos, então para mim é um prazer.
    Estamos entrando em uma era onde é mais do que necessário nos unirmos em torno de um único objetivo e compartilharmos conhecimento. Basta de secretismo.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Com certeza, Adriano, essa nova era é da conciliação da informação.

    Precisamos nos entender e amarmos uns aos outros como irmãos que somos. Aprender a ver e enxergar o que não vemos e não queremos ver. Seguir em frente sem medo de errar.

    O medo é nosso bloqueio para aprendizagem. Ceticismo é um mecanismo de defesa.

    Temos que aprender a entender o TODO. Nós só vemos parte. Fica muito difícil montar um quebra cabeças de milhões de peças sem uma figura de fundo para nos orientar. Temos que ter uma referencia do TODO para que as partes façam sentido...

    grande abraço e volte sempre!
    laura

    ResponderExcluir

Não serão publicados comentários racistas, chauvinistas, sexistas, feministas, flamenguistas, partidaristas ou que enalteça um ditador de bandeira vermelha de qualquer país. Tão pouco não serão publicados ataques pessoais entre leitores ou a autora desse blog. Nem pensar publicarei observações ortográficas relativas aos meus erros crassos do Português, pois faz parte do meu show. Anônimos continuarão anônimos, não publicarei. Para ser sincera, não gosto de comentários. Não escreva.
laura botelho

meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos