Google

Translate my page Google

3 de out de 2010

A mão que balança o berço...



Uma ação externa só tem poder e valor
se dermos esse poder e valor a essa coisa.

Gostaria de obter comentários mais inteligentes de meus textos. Isso me daria esperanças para acreditar que alguma coisa está mudando na cabeça de quem acompanha minhas pesquisas e não é isso que vejo ultimamente...

Confundem “feedback” com críticas desconstrutivas. Feedback consiste na manutenção da informação à uma pessoa sobre seu desempenho, conduta, ou ação executada por esta, com objetivo de orientar, reorientar e/ou estimular uma ou mais ações de melhoria, sobre as ações futuras ou executadas anteriormente.

A crítica sem o menor fundamento, baseada exclusivamente na limitada visão de cada percepção de vida, se torna infrutífera, pois só nos mostra um pensamento preguiçoso e covarde, uma reação a algo que foi de encontro a suas crenças. Pessoas reativas são aquelas que pensam e atuam dentro de padrões de causa e efeito sem ter consciência do que dizem ou crêem.

Defendem-se procurando sempre um culpado fazendo sempre suposições, pois são comunicadores preguiçosos. A ausência de auto-estima são suas raízes de sustentação. Querem um responsável para crucificar quando não obtém uma resposta que lhes agrade.

Esse sentimento conflituoso e não identificado pelo crítico, passa a fazer parte de sua programação interna, um padrão automático que foge a racionalidade. Uma reação inconsciente que faz parte de seu script. Preste atenção nisso daqui pra frente. Observe se em sua vida as pessoas lhe chamam atenção para suas críticas sem fundamento.

Criticar é uma ação que não requer muito talento para pensar e muitos logo se juntam ao coro. Basta um atirar a primeira pedra para que outros acompanhem.

Vamos rebater, reconstruir, orientar e estimular com mais, e outras, informações no lugar de apenas supor nossa limitada realidade. OK? Laura não tem todas as respostas e certeza de tudo. Precisa de sua ajuda para melhorar e assim devolver o que aprendeu para que todos cresçam juntos.

O que vc vê? Um cálice
ou duas faces?
Há sempre dois pólos, duas maneiras de enxergar a vida. Você é o único que pode escolher o que quer ver. Livre arbítrio sempre. Mas conheça primeiro os dois lados para poder fazer uma escolha consciente.

Recebi comentários que me taxaram de tirana, arrogante, prepotente, manipuladora, preconceituosa e que faço desse veículo auto promoção. Pensei... Ou eu aceito essa “tarja” na testa ou utilizo essas palavras como um excelente material para auto-conhecimento. Quero manifestar minha visão com outro ponto vista.

Quanto a minha intenção apenas na venda de livros (ganho financeiro) me parece leviana essa afirmação, pois um livro é uma das fontes mais importantes na busca de nosso desenvolvimento pessoal. Ele ganha mundo, entra em lares onde jamais pensamos que pudesse chegar. 

Para se produzir um livro muito simples, necessita-se de muito investimento financeiro, coisa que não disponho, por isso procurei uma Editora para fazê-lo. Fui bem sucedida, pois para ter seu texto escolhido, é necessário passar por uma seleção muito rigorosa. A editora não investirá num texto se não acreditar que o livro será vendido.

Se os livros são cobrados a gente reclama, se são oferecidos de graça (como é a maioria dos meus livros) o povo não lê, pois acredita que se está de graça, não presta! 

Vejam a ironia nisso tudo ... Meu livro grátis disponível no Scribd com título – A Semiótica do Amor - tem como personagem principal um homem lindo, inteligente, rico, que ajuda as pessoas a seu redor a encontrarem a felicidade que perderam, orienta as pessoas a serem mais ajustadas em suas vidas. Esse personagem, minha gente, é GAY.

Bom, já gastamos muito tempo aqui, mas achei importante dar essa resposta, pois quem se cala, consente.

Nós nos comportamos com base em nossas percepções

Nikola Tesla parece ter se deparado com os efeitos comportamentais da exposição eletromagnética no organismo humano, talvez por isso “eles” o tiraram de circulação rapidamente.

Psicotrópicos à parte, mas os campos elétricos de baixa freqüência (ELF) têm efeitos muito específicos em nossos campos energéticos, mas sua eficácia depende da região cerebral dos tecidos afetados e do momento da administração no ritmo circadianose de dia ou à noite.

Essas freqüências podem vir em forma de cor, luz ou som. E sabemos que o Universo inteiro é uma projeção holográfica girando para dentro de si mesmo apoiado sobre freqüências sonoras imperceptíveis ao seres humanos comuns.

A ciência está careca de saber que as baixas freqüências vibratórias podem acelerar ou frear processos de inúmeros sintomas em desenvolvimento no nosso corpo como o câncer, alergias, cefaléias crônicas, depressões nervosas (que levam a demências do tipo Alzheimer e outras) distúrbios sexuais (gays e lésbicas) e até cataratas. 

Não deixando de lado a manipulação da indução de comportamentos suicidas vastamente comprovados pelos trabalhos do MKULTRA que afetam milhares de pessoas a todo minuto neste planeta.

Basta observarmos diariamente as notícias de pessoas que comentem vários assassinatos em massa dentro de supermercados, escolas, ruas e se matam logo depois ao final do objetivo.

Quero salientar antes de tudo, que essa prática hipnótica só é possível com nosso consentimento. Aprendi (sendo eu mesma a cobaia) que a hipnose só funciona se o indivíduo estiver aberto, se estiver inconsciente dessa manipulação. Ou seja, quanto maior for a sua compreensão sobre a mágica, o truque não funciona. Acreditem em mim, já fui hipnotizada (com meu consentimento) por um dos maiores hipnoterapeutas do Rio de Janeiro. Sei como funciona.

Nenhum indivíduo pode ser hipnotizado para cometer uma ação que viole o seu código moral interior.  Ter conhecimento dessa informação fará de você mais seguro quanto a qualquer tipo de mensagem posterior.

Os negativos são “expert” em mentes humanas e sabem como nosso computador biológico trabalha. Eles sabem que podem adicionar novos programas, apagar velhos programas, inibir alguns programas, realçar alguns e minimizar outros. Mas com seu consentimento!

A forma não pode existir sem som

A maioria dos aparelhos elétricos ao nosso redor funciona a partir de 60 Hz ou superior na América do Norte, e 50 Hz na Europa.


Nosso pulso cerebral está entre 1hertz e 30hertz. A freqüência de 10 Herz, ou seja, de 10 ciclos por segundo é, por excelência, a freqüência do ritmo Alfa do cérebro.

Cerca de 10Hz é considerada o melhor para o nosso bem-estar, é quando acordamos espertos (mas ainda calmos) e é a porta de entrada para fins de controle da mente

Nosso planeta pulsava há milhões de anos atrás, aproximadamente 7,5 Hz, mas hoje sabemos que não pulsa mais, segundo evidencias através da Ressonância Schumann, e com isso nossos cérebros tentam se ajustar a ressonância da Terra nesse momento em que está há 13 ciclos por segundo e subindo... Estamos entrando num ritmo de atenção, super alertas a tudo.

Observem que as turbulências sociais estão por todos os lados de repente...

A proximidade da Terra do Sol ou seu afastamento dele, causam oscilação de íons sobre o planeta. Estamos sendo bombardeados por ele agora.

Mudanças bruscas de estados psicológicos, alteração dos padrões de sono, vozes intracerebral e outros sons, e efeitos fisiológicos são alguns dos sintomas dessas mudanças.

Quando você pensa ou sente, você emite uma onda de energia que transforma e volta a ressoar no mesmo nível vibratório. Essa onda é realmente um som, uma transmissão fora do alcance do ouvido humano.

Os desesperados sem informação ficam pensando: “mas onde estão esses seres de luz, de boas energias que não vem nos ajudar!!?”

Percebam que estamos entre duas linhas de freqüência. Uma acima e outra abaixo. Se evoluirmos como seres que controlam suas próprias energias, estaremos em um nível acima. Se não soubermos controlar nossa própria energia, alguém fará isso por nós.

Não esperem que eles desçam nessa freqüência para entrar em contato conosco. Isso seria correspondente a você descer ao inferno! Porque eles fariam isso? Suba você esse nível! Eles estão aguardando nosso contato, mas para tal você terá que mostrar que está apto a discar o número, a mudar o dial, captar a onda onde eles estão!

Os negativos não podem atingir essa freqüência acima porque são meros robôs sem almas, sem esse tom vibratório que temos acesso. O tom acima é uma vibração da qual eles não conhecem – nós sim, e a chamamos de amor, empatia e compaixão.

Somente cada ser pode acessar esse campo vibratório mudando seu estado mental e emocional, elevando-a para gravitar em níveis mais elevados. Mas para isso precisamos aprender o que são esses sentimentos e emoções.

Muitos estão buscando a espiritualidade, não como mudança de comportamento, pois isso é fácil de perceber nos diálogos, mas como escapismo, medo, uma desculpa para não tomar sua responsabilidade nesse mundo tridimensional, daí a dificuldade de ver como tudo isso funciona.

Eu sei que você quer saber é como as
microondas de baixo nível afetam a mente e aqui está.

Segundo um relatório lançado sob Freedom of Information Act (FOIA) as microondas podem:

Induzir alterações metabólicas
Alteram as funções cerebrais  
Interrompem padrões de comportamento. 
Criam vazamentos na barreira sangue-cérebro
Provocam crises cardíacas
Criam desorganização comportamental
Promovem insônia,
Fadiga,
Irritabilidade,
Perda de memória,
Alucinações
Induz docilidade
Induz o sono


Os efeitos psicológicos de uma onda senoidal 4 Hz magnéticos são negativos - causando tonturas, náuseas, dor de cabeça, podendo levar a vômitos.

Em uma experiência com voluntários, uma determinada freqüência causou uma sensação de toque nos ouvidos  e o fez sentir estranhamente compelido a bater nos experimentadores!

Os comportamentos e os estados emocionais podem ser alterados sem eletrodos - simplesmente colocando o assunto em um campo eletromagnético.

Freqüências específicas de baixas intensidades podem previsivelmente influenciar os processos sensoriais de simpatia, relaxamento-tensão, emoção e tranqüilidade. Mas nós temos o poder de modificar ondas, ou de neutralizá-las apenas tendo autoconsciência sobre essas sensações.

O som é também uma forma maravilhosa de cura. O som da voz de nossa mães ou de quem nos manteve seguros por muito tempo, foi com certeza a força motriz que nos fez chegar até aqui hoje. Temos que perceber que essas vozes tomaram outros caminhos, mas ainda se encontram nas gavetas de nosso subconsciente e a resgatamos sempre que precisamos.

O importante é saber que descuidamos dessa proteção com as gerações futuras delegando-a a outras vozes. Esquecemos por um tempo que quem balança o berço é quem governa o mundo...

 laura botelho

meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos