Google

Translate my page Google

28 de fev de 2011

Os alquimistas estão chegando...


Há um paradoxo da física quântica chamado de princípio da complementaridade em que (a partir de um ponto de vista psicológico), você não pode expressar o seu conhecimento sem alterá-lo

O que isso quer dizer?
Que há sempre duas maneiras (polaridade) de se observar a mesma coisa, objeto, pensamento, evento, situação... o que  basicamente estará de acordo com a maneira, posição, ângulo, ponto de vista, informação que você tiver no exato instante em que se deparar com ele.

Dependendo do ponto de vista de quem observa seria como entender as metáforas atribuídas aos clássicos Orientais entre o bem e o mau – a dualidade entre estar no nível absoluto ou no relativo, no certo ou errado, na sombra ou na Luz, na ignorância ou no conhecimento. Perceba, é simplesmente uma questão de ponto de vista, de perspectiva de percepção.

Não se pode prever nada nessa vida. Tão pouco afirmar que isto é falso ou verdadeiro. Temos apenas que conhecer para poder enxergar e posteriormente fazer escolhas dentro daquilo que está coerente com nossas crenças – o que não significa estar certo ou muito menos errado.

A filosofia quântica deixa bem clara que não existem "coisas", mas inter-conexões (links) entre "coisas", e essas "coisas", por sua vez, são interco-nexões entre outras "coisas", e assim por diante.

O que faz com que “COISAS” se tornem reais
são idéias, conceitos e informação

A teoria quântica mostrou-nos que o mundo não pode ser analisado a partir de elementos isolados, independentes. Todos os eventos estão interconectados em uma teia global!

Tradução desse babado:
Você só verá aquilo que previamente tiver conhecimento

Nos ensinaram a idéia de que “tempo” é igual a “dinheiro” e essa Matrix (informação) ocupa a nossa mente nos fazendo pensar de que ambos não fazem sentido um sem o outro. Muitos acreditam que sem dinheiro, você está “morto”, portanto, perdido no tempo.

Transformar o Cérebro (corpo/matéria) em uma Mente (pura energia) parece ser a meta dos alquimistas. A Matrix atual envenena, lava e manipula nosso corpo e separa, polariza os Hemisférios do cérebro, congregando diariamente numa forma de oração persistente para manter o rebanho no controle da cerca, através da busca na polaridade – diferente do caminho do meio.

Winfried Otto Schumann constatou, em 1952, que a Terra é cercada por um campo electromagnético poderoso que se forma entre o solo e a parte inferior da ionosfera a cerca de 100 km acima de nós.

Desde que nos demos conta dessa pulsação existente no planeta, através de Schumann, seu ciclo por muito tempo permaneceu aproximadamente 7.83 Hertz – pulsações/ciclos por segundo. Como uma batida rítmica de coração, nosso planeta mantém o equilíbrio da biosfera sempre que esta também se mantém equilibrada.

Basta que seus habitantes fiquem tensos, para que seu ritmo/pulso/ciclo se altere, dispare freneticamente como uma taquicardia atuante, e foi o que aconteceu.

Nosso cérebro é dotado da mesma
frequência de 7,83Hz da Terra

Mas esse ritmo em comum se manteve até 1986 e daí em diante algo mudou, e os ciclos passaram a aumentar sucessivamente até 9 e estão a 10 Hertz e aumentando. Em uma década foram 2 ciclos a mais por segundo e até 2012, dizem os especialistas, que esse ciclo chegará a 13 pulsos por segundo.

O sol assim como a Terra, estão perdendo seu campo magnético e a medida que recebemos mais raios gama do espaço, nossos órgãos reagem a essa manifestação de pulsos eletromagnéticos acelerados.

As células, micro partículas, recebem esses impulsos magnéticos do cérebro o qual recebeu do coração, que recebeu do Campo da Terra, que recebeu do Sistema Solar e esse da Galáxia e esse do Universo. Todos compartilhando de um só pulsar – uma maneira simples de entender a frase – “todos somos um” – estamos na mesma freqüência de vibração.

Essa máxima – somos todos um único organismo – denota que somos atingidos pela influencia do campo magnético de nosso planeta, fato que cientistas russos do Centro de Pesquisas do Espaço (IKI) e do Instituto da Ionosfera e Magnetismo Terrestre da Rússia (Izmiran), já comprovaram.

Tempestades magnéticas nos afetam se não estivermos alinhados com nossas energias em desequilíbrio – espiritual, emocional = físico! O coração é o para raios de todas as influencias externas do ambiente.

Acreditava se que a mente receberia primeiramente as informação energéticas do campo, mas hoje a ciência sabe que é o CORAÇÂO o receptor inicial que transmite ao cérebro o que está sentindo e o cérebro então “traduz” esse “sentir”. Portanto, não é de se admirar que esse Tsunami de raios cósmicos possam afetar nossa saúde de modo geral.

Partículas ionizadas que chegam ao planeta Terra atingem também o plexo solar e o sistema cardiovascular, já em descompasso, descontrola todo o sistema, mas o efeito desse fenômeno natural no organismo humano é muito amplo e nem sempre negativo, assim afirma Yuri Zaitsev, especialista do IKI, à agência oficial russa "Interfax".

Na maioria dos casos, as tempestades magnéticas afetam o ritmo cardíaco, a circulação do sangue - principalmente nos vasos capilares -, altera a pressão arterial e
modifica o nível de adrenalina.

É o caos gerando mudanças internas e externas

A cimática nos mostra que campos com freqüências 
diferentes formam imagens, materializa coisas diferentes

Energia de PONTO ZERO é uma inesgotável energia que os físicos de hoje dizem pertencer ao um quinto elemento, também conhecido como Éter. N. Tesla averiguou que há um Campo energético em abundancia que nos envolve e fez uso desse descobrimento antes mesmo da segunda guerra mundial, o que despertou atenção dos negativos para seu “descobrimento”.

Willian Reich fez a mesma constatação (sobre o campo de energia) medindo com um contador Geiger o corpo das pessoas enfermas e pode avaliar como a queda de vibração derruba nosso organismo.

Por conta de “seus estudos e descobertas”, ambos tiveram suas vidas arrasadas e depredadas, assim como todos aqueles que fizeram uso dessa informação. Ela não pode e não deve ser passada para frente. Conhecimento sobre essa energia dá poder sobre os demais – e esses não fazem a menor idéia de como tudo funciona, são marionetes dos que retém esse conhecimento.

E por que não devemos saber como tudo funciona?

No texto de - o homem invisível - livro de H.G Wells, ele diz: “Os homens, mesmo cultos, não se apercebem dos poderes ocultos nos livros de ciência. Nesses volumes há maravilhas, milagres”. Tenha certeza, Wells sabia do que estava falando...

O movimento Rosa-Cruzes afirmava que o poder do homem sobre a natureza e sobre si próprio se tornaria infinito, que a imortalidade e o controlo de todas as forças naturais estavam ao seu alcance e que ele poderia tomar conhecimento de tudo o que se passa no Universo.

Rosa-Cruzes assim como os alquimistas asseguram que o objetivo da ciência das transmutações é a transmutação do próprio espírito. Não se trata nem de magia, nem de recompensa vinda do céu, mas de uma descoberta das realidades que obriga o espírito do observador a tomar outra posição.

Em Primeiro de Maio de 1776, na Alemanha, foi fundada uma sociedade que passaria a representar a síntese dos anseios e ideais compartilhados por Maçons e Rosacruzes: Os Iluminados.

Lênin talvez tenha sido o último sociólogo imaginativo que definiu com clareza o comunismo já nos idos de 1917: socialismo + eletricidade. Essa é a receita perfeita que move a máquina por trás do ocultismo.

Mais de meio século desse discurso e estamos mais e mais condicionados a essa forma de ver a vida - Quando todas as famílias possuírem dois automóveis será necessário que comprem um terceiro, um quarto... Não basta ter um celular, temos que 3 para cada um.

O que significa ter conhecimento de uma ciência oculta? Por que estabelecer uma sociedade “secreta”?

Uma sociedade internacional e secreta reúne homens intelectualmente muito avançados, desejosos de proteger as suas descobertas científicas contra os poderes organizados, a curiosidade e a avidez dos outros homens, reservando-se o direito de utilizar as suas descobertas no momento oportuno, ou de sepultá-las durante vários anos, ou de apenas pôr em circulação uma ínfima parte com maneiras diferentes e confusas de propagá-las.

Numa vida intelectual normal, não utilizamos
a décima parte das nossas possibilidades
de atenção, prospecção, memória, intuição ou coordenação

Alguns opinam que a palavra "alquimia" viria da expressão japonesa "al Khen"  de raiz coreana, "alkimya”, que significa "o país branco", nome dado à Antiga China, e que é uma referência ao hermetismo, com o qual a alquimia tem relação. Toth aí de novo!

O livro Oahspe, foi escrito pelo Dr. John Newbrough em 1880, onde afirma que escreveu o livro a partir de canalização de “entidades angelicais” que lhe deu uma nova versão das “sagradas escrituras”.

Mas esses seres “espirituais” viajariam em naves “etéreas” e que teriam a missão de proteger mundos menos desenvolvidos. (?? não diz se espiritualmente ou tecnologicamente)

A nova Biblia Oahspe nos diz que: quando os mortais morrem seus espíritos continuam a viver, independentemente de quem eles adoravam, ou mesmo se eles não acreditavam na vida após a morte.

O livro Oahspe apresenta muitos exemplos de símbolos a ser dito de línguas antigas e dos rituais e cerimônias, esclarecendo o conceito de que havia uma língua original, chamado de Pan ou o Pânico que significa "Terra da linguagem", que se originou a partir da capacidade do homem de imitar sons

Na obra Oahspe é usado o nome Jehovih – sabemos o que significa isso. Narra o texto que Jehovih vendo que os homens se multiplicaram na Terra, diz para os anjos virem ao planeta e ensiná-los a morar em cidades e nações, iniciando uma terceira era.


Esse livro renasceu como uma "nova Bíblia" dando início a seguidores fiéis que fundaram várias colônias logo após sua publicação em 1882, mas das mais notáveis colônias, a Colônia Shalam em Las Cruces, Novo México, em 1884, era a mais requisitada por ter sido fundada pelo próprio autor Jonh Newbrough .

Um segundo tipo de colônia foi construído alguns quilômetros de distância de Shalam; chamada Levitica, fundada para o "Leviticans", uma classe de pessoas a meio caminho entre o iluminado "Kosmon" povo de Shalam e as “pessoas normais do mundo”.

O nome destes seres seriam "Ashar" e o plural seria "Ashars". Materializam-se quando querem em imagens de seres altos, corpos atléticos e de morfologia humanóide, aparência nórdica, cabelos loiros ou alvos e olhos azuis, com olhar penetrante e desafiador. Dizem ter como objetivo simples pesquisar e compreender as formas de vida existentes no Universo para assim compreender a sua própria existência...
Me engana que eu gosto...

Que capa meio esquisita para quem prega a paz...
No livro “The Lennon Prophecy”, o escritor Joseph Niezgoda revela que o próprio Lennon era obcecado por ocultismo, poderes mágicos, e a numerologia, e claro, em ser maior do que Elvis Presley. Isso foi confidenciado a seu amigo Tony Sheridan.

Se John tivesse entrado num pacto de 20 anos com Satanás para adquirir riqueza e fama mundial, esse contrato terminou em 8 de dezembro de 1980, com sua morte violenta”, disse Niezgoda.

John, Paul, George e Ringo eram escritores e músicos de muito talento – como ficou bem evidenciado pelas carreiras solo.”

“Mas o que é que estava no começo que os distinguiu de outros músicos da época deles? O que foi que os elevou em poucos anos da total obscuridade para se tornarem o maior espetáculo da Terra? Quando eles viajaram para a Austrália em 1964, que tipo de força terrena fez com que 400.000 fãs se ajuntassem fora do hotel deles para meramente olhar de relance os quatro rapazes de Liverpool? Como dá para explicar de forma lógica que eles tenham conseguido, por 20 vezes, o lugar número 1 nas paradas de sucesso num curto período de seis anos?” diz Niezgoda

Os Beatles fazem uma homenagem a Aleister Crowley ao colocá-lo na capa de seu disco mais famoso, o “Sgt. Pepper’s”, ao lado de grandes personalidades da história como Einstein, Carl Jung, Fred Astaire, Karl Marx entre outros. Os Beatles declararam que os personagens que apareceram na capa do álbum eram seus “heróis

“Nós temos Hitler dentro de nós, mas também temos paz e amor”. Jonh Lennon

Segundo as próprias palavras de John, nota-se que ele tinha pouco em comum com a imagem que propagava. John na verdade era uma pessoa ambiciosíssima, esnobe, que não sabia conviver com opiniões discordantes, exibicionista, de personalidade conturbada e que paralelamente cobrava um mundo perfeito. Relato da personalidade encontrada no livro.

No Brasil, Paulo Coelho é um produto de Crowley – um verdadeiro iluminado - e sabemos como tudo aconteceu. Raul Seixas conheceu Paulo Coelho em 1973, através de um artigo publicado na revista “A Pomba”, do próprio Paulo Coelho que publicava artigos sobre extraterrestres. A partir deste momento, nascia a tão famosa parceria musical que viria a projetar os dois no cenário nacional.

"É impossível combater de uma maneira eficiente o vampirismo astral. (...) A única maneira com que se pode evitar ser consumido por um vampiro astral é transformando-se também num vampiro. (...) Não existe Bem ou Mal em tal atitude. Trocar energia é uma necessidade do Cosmos. (...) Todos os homens estão divididos apenas em duas categorias: os fracos e os fortes. "Manual Prático do Vampirismo” (1985) – Paulo Coelho.

"É aquilo que você sempre desejou fazer. Todas as pessoas, no começo da juventude, sabem qual a sua Lenda Pessoal. (...) Seja você quem for ou o que faça, quando quer com vontade alguma coisa, é porque esse desejo nasceu na alma do Universo. É sua missão na Terra. (...) Cumprir sua Lenda Pessoal é a única obrigação dos homens. Tudo é uma coisa só. “O Alquimista” – 1988 – Paulo Coelho

O treinamento mágico de Paulo Coelho teve início formal em 01/01/1974 assumindo com nome mágico - “Frater Staars”. Raul Seixas e Paulo Coelho, inspirados pela Lei de Thelema e pela Obra de Aleister Crowley, também formulariam um movimento que ficou conhecido com A Sociedade Alternativa.

Mas Raul Seixas rompeu parceria com Paulo Coelho nos idos de 1973, pois não quis mais vinculo formal com qualquer organização de cunho thelêmico – dando prosseguimento a sua carreira em decadência, após esse rompimento, seguiu de modo independente e anárquico a divulgação do pouco que aprendeu sobre as informações que recebeu.

Raul Seixas foi encontrado morto sobre a cama pela sua empregada Dalva, por volta das oito horas da manhã do dia 21 de agosto 1989, vítima de uma parada cardíaca – todos são “encontrados” pelas empregadas – pesquise isso.

"Minha avó já me dizia / Pra eu sair sem me molhar / Mas a chuva é minha amiga / E eu não vou me resfriar / A serpente está na terra / o programa está no ar / A formiga só trabalha porque não sabe cantar / Quem não tem colírio usa óculos escuros / Quem não tem filé, come pão e osso duro / Quem não tem visão, bate a cara contra o muro / É tanta coisa no menu / Que eu nem sei o que comer / José Newton já dizia / Se subiu, tem que descer." 


Mundo árabe em convulsão
A onda de protestos que segue devastando o mundo árabe delineia um momento histórico para a humanidade. Há elementos comuns em todos os conflitos - em maior ou menor escala - a insatisfação com a situação político-econômica e o clamor por liberdade, porém ganhando contornos próprios em cada país com suas diferenças políticas, culturais e sociais.

É hora de quebrar a cadeias da dualidade e despertar dessa prisão vibracional.
A grande mudança para a era de ouro está entre nós, não dê o seu poder e energia para esses seres.

Podemos ver nitidamente que eles estão entre nós para frear ou seqüestrar a evolução humana que corre naturalmente sem atropelos – isto está além de seus “poderes”.

Para isso desejam a todo custo sua lealdade, seu foco, sua transferência de energia para que eles possam manejá-la. Tudo deve ocorrer com o SEU CONSENTIMENTO – lembre-se disso.

Tudo foi metodicamente planejado antes que muitos pudessem se dar conta dessa intenção. São seres muito avançados na linha do tempo a que nos impuseram e possuem conhecimentos que ultrapassam a nossa mente limitada a 3D.

A menos que cada um de nós desperte o mais rápido possível, tornando-se plenamente consciente do verdadeiro poder que existe dentro de nós mesmos sem efeitos pirotécnicos de “anjos” canalizados para nos dizer isso, muitos serão tragados por esse engano.

Mais uma vez reitero o que sempre digo = NAVES são Objetos voadores - matéria. Você não precisa de naves para trafegar pelo universo, tão pouco de um “corpo” saudável para ter a eternidade, pois ela já existe e você tem que se lembrar disso!!!

Estão jogando com as emoções ao tratá-los como crianças retardadas! Estão lhes dando um “amor que não têm”! 

Estão mexendo com sua baixa estima, um truque que é de fácil manejo e isso pode ser evidenciado na história da humanidade! Fomos enganados!!!

A magia, a alquimia, é uma arte que não deve ser ensinada a quem esteja despreparado para recebe-la, pois com ela virá o poder, o controle e a tentação de sobrepor e subjulgar o próximo – será que você não vê isso?

O aprendiz poderá facilmente converter-se, a exemplo de tantos políticos e tecnocratas, religiosos, ídolos populares em um bruxo renegado, que acabará dominado pelo lado obscuro da Força!

Acorde, por favor, pois os alquimistas estão chegando!!!!!!!!!!!!

laura botelho


meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos