Google

Translate my page Google

27 de jun de 2014

Um cano com mais de 150 mil anos


1945 - China
A primeira foto de uma pirâmide chinesa foi tirada em 1945, no final da Segunda Guerra Mundial e recebeu o nome: "Esta Pirâmide Branca".  Essa construção intrigante está localizada nas Montanhas Ling Shan Qin, cerca de 60 km ao sudoeste de Xi'an. 

A foto foi mantida escondida nos arquivos do Exército dos EUA (lógico) por 45 anos antes de torná-la pública e agora você pode vê-la.

"O Roswell chinês"
Em março de 1994, o austríaco Hartwig Hausdorf  fez uma viagem para a área perto da cidade de Xi'an, capital da província de Shaanxi, que está situado na parte central da China. Foi capaz de visitar algumas das áreas restritas ao publico e fotografou um grande número de pirâmides que o levou a escrever um livro que sugere uma ligação entre as Pirâmides da China a seres extraterrestres.

Estes territórios a que Hausdorf visitou foram fechados para estrangeiros e durante o passeio descobriu 6 pirâmides lendárias. Algumas das pirâmides estão em muito mau estado, uma vez que foram saqueadas pelos cidadãos locais, por alguns agricultores que destruíram as pirâmides para levar o barro e terra para os seus campos e usá-los nas fazendas. 
 
Governo Chines incentiva a plantação de arvores
para encobrir as piramides
Hausdorf quando decidiu continuar sua investigação sobre as pirâmides enfrentou muitos problemas - o governo chinês proibiu quaisquer escavações na área, mesmo tendo sido autorizado a continuar a sua investigação. Mesmo assim conseguiu fazer um filme de 18 minutos da região e ficou surpreso ao constatar que havia mais pirâmides ao fundo do que pode perceber no momento em que filmava. Ele contou mais de 100 pirâmides em uma área de 2.000 quilômetros quadrados

Estas estruturas se encaixam perfeitamente na história não oficial da China - Uma história que a maioria dos estudiosos escolheu ignorar. Os antigos contos narrados da China através dos anos estão cheios de conteúdos sobre o "céu e homens-deuses” que vieram das estrelas, usando a Terra como uma base para a exploração. 

Acho que já li isso em algum lugar...

Moradores chineses contam que as pirâmides são muito antigas.  Algumas até mais velhas do que a própria “China”.  Outras pirâmides menores foram identificadas nos reinados dos imperadores descendentes - “filhos do céu”, que haviam desembarcado na Terra em dragões de ferro.

19 de junho 2002 - Um grupo de 9 cientistas chineses vão para Província de Qinghai oeste da China para examinar de perto artefatos nada comuns. Seria a primeira vez que os cientistas estudaram a sério o lugar misterioso perto Delingha Cidade nas profundezas da Bacia Qaidam, isso de acordo com fontes do próprio governo com o Haixi mongol e prefeitura autônoma tibetana, onde está localizado Delingha. Fato citado pela agência de notícias estatal Xinhua. 

Mais de 300 pirâmides na China
Esse local está em Mount Baigong cerca de 40 quilômetros a sudoeste de Delingha na margem sul do lago salgado e foi batizado pela população local como "as relíquias ET". Parece uma pirâmide e tem entre 50 a 60 metros de altura. No norte da montanha estão os lagos gêmeos apelidados como o “Lagos dos amantes", um lago com água doce e outro de água salgada.

Na parte da frente da pirâmide há 3 cavidades com aberturas triangulares. No interior, há um tubo de cerca de 40 centímetros de diâmetro na parte superior da extremidade interna da caverna. Outro tubo do mesmo diâmetro vai à direção interna da terra com apenas seu topo visível acima do solo.

Acima da caverna há uma dúzia de tubos de vários diâmetros que correm dentro da montanha. Todos os tubos são vermelho acastanhado, a mesma cor que a das rochas circundantes. As duas cavernas menores desmoronaram e são inacessíveis.

Estavam espalhadas sobre as cavernas e na margem da área do lago salgado um grande número de restos enferrujados de tubos de vários diâmetros e pedras de formas estranhas. Alguns dos tubos estão dirigidos para o lago, muitos deitados quebrados em todas as direções.

O que há de estranho nisso tudo? Um grupo de pessoas do século XX poderia ter colocado ou até feito algum experimento na área e largado tudo por lá sem que os moradores tivessem percebido sua presença, certo?

Seria a melhor hipótese – essa de que humanos formados no MIT fizeram aquilo. Seria realmente a opção mais fácil se o raio das amostras trazidas para o Instituto de Geologia de Pequim - depois de analisados - dessem resultados inesperados – de  que são tubos e de ferro e foram fundidos por volta de 150 mil anos atrás.

Segundo Qin Jianwen, chefe do departamento de publicidade do governo Delingha, os restos foram levados para um local para análise.O resultado mostrou que eles foram feitos de 30% de óxido de ferro com uma grande quantidade de dióxido de silício e óxido de cálcio. Mas 8% do conteúdo restante não puderam ser identificados.

Ou seja, canos compostos de 92% de minerais e metais comuns encontrados no planeta e 8% de materiais desconhecidos da civilização moderna.

"O grande teor de dióxido de silício e óxido de cálcio é um resultado de uma longa interação entre ferro e arenito, que demonstra que os tubos são muito velhos", disse Liu Shaolin, o engenheiro que fez a análise. "A natureza é dura aqui. Não há residentes ou indústria moderna na área, apenas alguns pastores migrantes do norte da montanha."

Os tubos enferrujados vão desde o tamanho de uma agulha de 16 centímetros de diâmetro e chegam a partir de dentro da montanha até o lago de água salgada quase 80 metros de distância. Muitos dos tubos ocos são uniformes em tamanho e parecem ter sido colocados estrategicamente incorporados a uma profundidade suficiente na parede da montanha e no chão impedindo a manipulação humana moderna. A menos que colonos agrícolas tenham desenvolvido habilidades secretas avançadas de metalurgia, os tubos não foram forjados por mãos humanas.

Mas por outro lado... se os seres humanos puderam realmente produzir essas coisas antes de 30 mil anos atrás...Nossos historiadores terão de reavaliar todo o seu conhecimento pré-histórico, rever fatos, “lendas” e “mitos” para RE- ESCREVER a história da humanidade, concorda?



Eu queria ser uma pulga para ver e estar entre os PhDs de Harvard elucubrando, se rasgando todo, para poder re-direcionar suas velhas teses para esse novo capitulo ou dando sentido a essas OOPArts.

Yang Ji, pesquisador da Academia Chinesa de Ciências Sociais, acredita que os tubos foram construídos por seres inteligentes, não descartando a ideia de que seres não humanos poderiam ser os mentores deste projeto. 

A China tem seus mistérios, mas nada que não possa ser revelado, basta para isso que você faça uma minuciosa pesquisa. Os doutores da ciência vão a fundo quando querem provar suas “teorias”. Eles ficam cegos e afastam qualquer coisa que não coadune com suas metas.

Você pode não ter a quantidade de informação que os acadêmicos possuem, isso porque você nunca tentou. Eles passam cada minuto de suas vidas buscando informação que seja pertinente com o que acreditam. Antes você até se desculpava por não ter tempo de se deslocar a uma biblioteca e ler tudo que não leu durante o ginásio, quando deveria, mas você NESSE momento tem algo que ELEs não tiveram em seus estudos – a REDE da INTERNET!!



A WEB – essa teia de informações – lhe dará tudo que precisar saber e de graça!! Mas para isso você tem que pesquisar!!! Eu não posso fazer isso por você, apenas te dar alguns links!

Temos graus de evolução diferente, graus de informação e percepção diferentes!! Eu verei uma coisa e você outra, mas ainda assim seguindo o mesmo caminho:

Descobrir quem somos, de onde viemos e para onde vamos!

A cada dia temos mais e mais provas de que estão nos escondendo muita coisa, muito conhecimento que deveríamos ter, mas que ao contrário, fomos afastados deles. Faça sua revolução, re-escreva sua história e ajude aos que estão chegando agora a pesquisar também.

Vamos juntos despertar desse transe de zilhões de anos, vamos acordar!

laura botelho


meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos