Google

Translate my page Google

30 de mar de 2014

Países fazem ensaios para possíveis ondas gigantes


Lucas 17
26 E, como aconteceu nos dias de Noé, assim será também nos dias do Filho do homem.
27 Comiam, bebiam, casavam, e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, e veio o dilúvio, e os consumiu a todos.
28 Como também da mesma maneira aconteceu nos dias de Ló: Comiam, bebiam, compravam, vendiam, plantavam e edificavam;
29 Mas no dia em que Ló saiu de Sodoma choveu do céu fogo e enxofre, e os consumiu a todos.
30 Assim será no dia em que o Filho do homem se há de manifestar.


Ensaio de alerta para "possíveis" ondas gigantes

No ultimo dia 26 de março de 2014 às 10:00 am foi realizado exercício destinado a avaliar e melhorar medidas de comunicação, planos de evacuação e resposta planejada para uma situação de um possível Tsunami. 

A Agência Estadual de Gestão de Emergências pretende com isso melhorar a capacidade de resposta a um fenômeno real.

Lantex Caribe Aceno 2014.
"Nossa prioridade é a segurança de todo Município de Aguadilla. Estes exercícios são um lembrete de que não somos imunes a tais eventos naturais, por isso a preparação e formação indicada na tomada de decisões oportunas e eficazes em uma situação de emergência real"
– disse o prefeito Carlos Méndez Martínez.

Os países do Caribe, assim como parte do México e da costa leste dos Estados Unidos participaram dessa simulação de tsunami provocada por um terremoto fictício de magnitude 8,5 na escala Richter originado em Portugal.

O exercício objetivou comprovar a capacidade de resposta das autoridades locais frente a um fenômeno dessas características. Foram disparados alarmes em diversas áreas litorâneas onde ocorreram a simulação, que faz parte do Exercício Completo de Tsunami do Atlântico = Lantex, na sigla em inglês, realizado periodicamente.

O objetivo é o de criar um aviso totalmente integrado de ponta a ponta do sistema composto por 4 componentes principais:

  1. Monitoramento de risco e detecção,
  2. Avaliação de risco;
  3. Disseminação de advertência, e
  4. Preparação da comunidade e resposta.

O Lantex 2014 simulou as conseqüências de um terremoto similar ao ocorrido em 1755 em Portugal e seu posterior tsunami, que afetou grande parte do Caribe e região do Atlântico dos EUA e do Canadá.

Um grande terremoto, em 1755 atingiu Lisboa, Portugal cerca de 20 minutos após o primeiro choque destrutivo gerando um tsunami que atingiu as costas de Portugal, Espanha, África do Norte e do Caribe. O terremoto e o tsunami mataram entre 60.000 e 100.000 pessoas.

Além de Porto Rico e as Ilhas Virgens, que pertencem aos Estados Unidos, foram convocados a participar do treinamento 32 países e territórios da região do Caribe, que durante os últimos 500 anos foram castigados por mais de 75 maremotos, segundo dados do Programa Caribenho de Alertas de Tsunami.

As fontes potenciais de tsunamis da região incluem as falhas no Caribe, margens íngremes no mar e vulcões submarinos, a região leste das ilhas dos Açores, e porções do talude continental fora os EUA e a costa canadense, devido a deslizamentos de terra submarinos

No nível nacional, cada Estado-Membro é responsável pela emissão de avisos para seus próprios cidadãos através de seus Warning Tsunami Pontos Focais. Este exercício irá fornecer mensagens tsunami simulado do PTWC e WCATWC desencadeado por um terremoto hipotético localizado Portugal no mar e um deslizamento submarino de terra no interior do Golfo do México.


Não sei se você está sentindo o mesmo que eu, onde há uma movimentação estranha ultimamente frente a “exercícios” de todos os tipos: Ocupações de áreas estratégicas pelo exército, manobras de navios em cooperação com vários países, mudança de tropas de um país para outro...

Você não está ciente disso? Não está nem um pouco preocupado, não é? A Copa está aí... o objetivo maior é sobreviver a derrota do seu time, certo?

Mas aqui vai meu conselho...
Preste atenção nas noticias. Já tivemos dois abalos fortes na Califórnia num espaço de uma semana. As CMEs (Ejeções de Massa Coronal) estão chegando cada vez mais intensas e vamos ter uma tempestade magnética lá pelo dia 4 de abril.

Não precisa se esconder embaixo da cama da sua avó, se borrar de medo, basta apenas pesquisar, ficar de olhos bem abertos.

Vai que o “filho do homê” ta chegando mesmo e você só fica sabendo tarde demais... rsrsrsrsrsrs


laura botelho






meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos