Google

Translate my page Google

15 de fev de 2013

Graças a Zeus...



Essa coisa toda em torno da renuncia do Papa Bento 16 está dando o que pensar e falar. Um rico material para comentar e postar, e eu, não resisti. Como uma cena de novela brasileira cada um dá a sua versão dos fatos e aposta nela pautada e fundamentada em retalhos tirados da internet ou nos comentários com os amigos.

Estão todos errados nas suas conclusões? Claro que não!
Só quem sabe como a novela acaba foi quem a escreveu! De resto, tudo gira para nosso “entretenimento”. Vamos bater boca com a vizinha ou com um grupo num bar ou num fórum na WEB e esgotar todas as possibilidades. Quem vai acertar o por que o Papa renunciou? Só Zeus sabe!

Já li que o Papa renunciou por conta da revelação iminente sobre os Extraterrestres, já que o Medvedev, Primeiro Ministro da Rússia, disse que se outras potencias mundiais não contarem a verdade sobre " O segredo dos deuses”  – ele o fará... Será?

Falar sobre os deuses é o “apocalipse” anunciado que pode jogar a fé de sobre qualquer coisa num inferno sagrado. E se o povão descobrir que foram os ETs que inventaram Jesus, Buda, Arcanjo Miguel e outros avatares... Cabeças vão rolar!! E a do Papa tá na reta.

Outra versão sobre a renuncia [ainda não autenticada] seria devido a uma possível prisão de Joseph Ratzinger, como Papa, emitido por um mandado europeu como garantia pública contra os bens do Vaticano – uma prisão que seria anunciada até a próxima Páscoa. Uma hipótese remota, mas não descartada.

Você já se perguntou como a Igreja Católica Romana tem se safado das denuncias de estupro, assassinatos, torturas, roubo, apropriação indébita das terras de outros povos em nome de "deus" sem explicar como uma instituição pode cometer tantos crimes sem enfrentar quaisquer consequências?

As explicações são inúmeras, basta que você queira saber, estudar, pesquisar. O Vaticano afirma status como um "estado" (país) graças a uma lei italiana de 1929, cortesia de Benito Mussolini, que tornou o Papa "diplomaticamente imune" de acusação contra qualquer coisa, inclusive ocultar e silenciar quem o denuncie.

O Vaticano não pode ser julgado em tribunais civis por crimes cometidos por seus sacerdotes porque está sob uma jurisdição distinta: a sua própria


Além do poder financeiro e um Império incalculável ao longo dos séculos, 15 bulas papais Romanus Pontifex e Inter Catera anularam a posse de terras de “todos não-cristãos”  dividindo o planeta entre Espanha e Portugal. 


A chamada "Doação de Constantino" arquitetada por advogados do Vaticano, no século IX transferiu toda a autoridade, bem como a terra e a riqueza do Império Romano, para as mãos da Igreja de Cristo. O imperador Constantino, caso você não saiba, foi o cara que fez do cristianismo um império religioso. Constantino usou a fé para salvar suas finanças e a igreja seguiu adiante.

O tribunal argentino reconheceu hoje que a Igreja católica no país esteve implicada nos crimes da junta militar que governou a Argentina de 1976 a 1983. O tribunal constatou que os altos hierarcas da Igreja sabiam dos assassinatos e torturas de sacerdotes oposicionistas que defendiam sua posição cívica, mas não empreenderam nada a respeito. A ditadura militar argentina foi extremamente brutal em relação à oposição de esquerda
Noticia do dia 14/02/2013
  
"Assim que uma moeda tilinta no cofre,
uma alma sai do purgatório"

As indulgências (o perdão) foram concedidas no início da Igreja Católica para reduzir as penitências muito severas.  Em 1517 o Papa Leão X ofereceu indulgências (venda de perdão) para aqueles que dessem esmolas para reconstruir a Basílica de São Pedro em Roma.

Com efeito, a igreja é a continuação da Pax Romana, ou seja, o único e supremo império sobre a Terra. O Papa assume autoridade sobre todos os povos e seus governos, incluindo os não-cristãos, e ele pode fazer o que assim desejar e com o “com+sentimento” dos que ignoram tudo, até mesmo os que desconhecem as suas próprias vidas.

Já li também que o Papa renunciou por que tem que pegar o próximo voo para o planeta Marte, pois na ultima revelação de Fátima parece que a Terra de Zeus está em perigo. A profecia de Fátima fala sobre uma big inundação provocada por um asteroide ou algo vindo do céu. E se isso for verdade... a do Papa tá na reta.

Desconcertantes declarações do Papa João Paulo II feitas por um número muito limitado de jornalistas, durante a sua viagem à Alemanha em 1980, à cidade de Fulda, nos mostra que há algo no “ar”.

Pergunta de um jornalista: “Santo Padre, o segredo de Fátima Já devia ter-se publicado no ano 1960?

Resposta de João Paulo ll: “Pelo seu conteúdo impressionante e para não animar a força mundial do comunismo a certas ingerências, os meus predecessores preferiram fazer uma “versão diplomática” do segredo. Ademais, deveria bastar a cada cristão quanto segue: quando se lê (no segredo) que os oceanos inundarão continentes inteiros, que aos homens perderão a vida de repente, em minutos, e milhões deles..., sabendo isto, verdadeiramente não é necessário pretender que se publique este segredo... Muitos querem saber só por curiosidade, mas esquecem que o saber traz consigo responsabilidade...; eles querem somente satisfazer a sua curiosidade. Isto é perigoso quando, em semelhante tempo, não se quer fazer nada alegando que já não serve de nada

Prometeu em versões posteriores da mitologia grega, era o Titan que criou a humanidade a mando de Zeus. E seu erro foi dar aos humanos a “consciência” = a luz do conhecimento de seu poder. Isso irritou Zeus que puniu exemplarmente seu próprio filho por essa estupidez.

Deve ter pensado Zeus: “eles eram tão mansinhos e obedientes como as ovelhas... agora fazem passeatas e reclamam de tudo! Que inferno!!"

Prometeu criou “um ser” à imagem dos deuses que poderia ter uma almaPrometeu ensinou o homem a caçar, ler, fazer contas, assistir BBB e curar os doentes assim como os deuses faziam e isso irritou Zeus.

Lúcifer é a tradução, em Latim, da expressão “Phosphorus” (ou “Heosphoros”) que é um dos sinônimos de Prometheus. Lúcifer é apenas a contraparte, em Latim, de Prometheus – aquele que trouxe o fogo sagrado.

Bom, acho que você já matou a charada.
Enki = Prometeu = Lúcifer = Serpente – o demônio que trouxe a polaridade da alma.

Se os humanos não ficassem sabendo que seriam eternos prisioneiros da luz, não estariam nessa cela fria e escura de suas almas em que se encontram, mas ter conhecimento sobre tudo isso os libertará. E graças a Zeus muita gente continua na escuridão achando que Lúcifer é o cão e que o bonzinho da história tem outro nome...

Os seres anteriores a informação da serpente eram pacatos e dóceis. Aceitavam todo tipo de ordem que impunha Zeus a seus servos. Se Zeus mandasse, eles obedeciam e davam sua vida a isso. Trabalhavam e adoravam a Zeus todos os dias de suas vidas.

Se Zeus pedisse os filhos dos servos como sacrifício, os cordeiros sem hesitar ofereciam seus filhos a Zeus, acreditando que isso aplacaria sua ira contra eles, mesmo que os humanos não tivessem feito nada para sofrerem tal castigo.

Mas Zeus sabe o que faz, ele sempre foi fiel e nada faltou para os que se dedicaram a ele, e como premio ganharam o reino dos céus = Marte. Serão escravos por lá.

Os deuses estão sempre de mau humor. Querem sempre mais e mais carne humana... Mortos-vivos  (Zumbis) com fome  de carne têm sido um elemento do mundo da “mitologia” datado desde a Epopeia de Gilgamesh em que a deusa Ishtar promete:

“Vou derrubar as portas do inferno,
Vou esmagar os umbrais, e deixar cair as portas dos planos inferiores,
e deixar os mortos subirem para comer os vivos!
E os mortos superam os vivos!”

Essa é “Mãe de todos” falando... deve ter tido um dia ruim no supermercado, ou algum escravo deve ter errado no sal.

O Puxa saco do Papa
Narra a lenda que uma mulher de nome Joana foi coroada Papa por volta de 1099, se fazendo passar por homem. Antigamente só os machos podiam mandar na igreja e hoje não é diferente. A descoberta de que uma mulher era o Papa chocou o clero, que tomou a seguinte postura dali em diante para evitar tal escândalo.

Então, foi criada a “cadeira furada”. Sobrou para o sucessor de Joana a se submeter a essa prova para a seguinte eleição do pontífice. Dignitários da igreja conduziram o futuro Papa a capela de São Silvestre onde estava a cadeira furada para a devida observação.

Antes da consagração, os bispos e os cardeais colocavam o papa sem nenhuma calçola ou coeiro que o valha, sobre essa cadeira com as pernas sagradas separadas fazendo com que seus órgãos sexuais sagrados ficassem livres e soltos a favor da gravidade. O teste consistia de tato para afastar qualquer tipo de ilusão de ótica dando testemunho aos assistentes que gritavam com voz alta: “Temos um Papa!”.

Este funcionário que apalpa o saco do Papa é chamado de Carmelengo, ou mais conhecido hoje como o “Puxa-saco”. Leão X foi o último papa a ter de passar pela cerimônia de Puxação de saco, mas creio que essa prática, não tão ostensiva como antes, anda presente nos ambientes corporativos do mundo todo.

Seja lá quem for o novo Papa daqui pra frente, uma coisa é certa: Esse Papa terá que ter saco. Saco para aguentar tanta turbulência que virá pela frente. Se as “profecias” bíblicas se concretizarem teremos fogo dos céus, Zumbis, pestes, tsunamis e muito casamento gay.

Esse último, por sinal, será o único fator relevante para impedir a raça humana de se multiplicar em abundancia e repovoar a Terra gerando mais e mais cristãos devotos para seguirem o pobre diabo chamado Zeus. Tadinho dele...

laura botelho


meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos