Google

Translate my page Google

7 de jul de 2012

FBI - 9 de julho 2012


Em 9 de julho de 2012, o que faz crer, até prova em contrário, muitos computadores perderão acesso a internet.

A mídia informa que o FBI desligará servidores temporários DNS ​​para ajudar as pobres vítimas de um anel enorme de fraudes pela internet por “perigosos hackers assassinos”.

Essa “mega operação” tem uma investigação de 2 anos e que foi concluída em novembro de 2011, mas que agora será colocada em prática para aqueles que não “aderiram” ao plano diabólico dos caras.

A história contada para boi dormir sobre o tal vírus "DNS Changer", alega que:

Se seu comutador foi infectado pelo vírus DNSChanger ele reprogramará o IP (Internet Protocol) da sua maquina para redireciona-lo para páginas de hackers que podem virtualmente controlar seus dados – Nada que o FBI já não faça nesse exato momento.

E o novo grupo “ALQaeda” da WEB (que também não passa de um programa de computador e não uma facção criminosa como a mídia divulga) agora vem da Estônia, um país com um pouco mais de 1 milhão de pessoas, mas que entre eles há grupos altamente capacitados para desenvolver programas como estes que o FBI afirma...


Primeiro de tudo, um vírus que reprograma e redireciona o seu computador para servidores desonestos não é uma coisa simples. Isso é um cookie muito complexo. Não é algo que “qualquer um” possa fazer. Para tal há “mentes brilhantes por trás disso” e não um grupo de adolescente que não tem o que fazer.


Um vírus que infecta, assume o controle e redireciona massas inteiras de computadores zumbis para servidores desonestos é a cara das chamadas dos negativos.


O FBI descobriu o vírus DNS há muito tempo, segundo a mídia, mas deixou que ele fizesse estragos ao invés de retirá-lo do circuito rapidamente como faz com qualquer um que acesse suas páginas, no caso – EU.


Estou proibida de acessar páginas do governo americano, NASA etc. Não consigo abrir nada que tenha link relacionado ao governo – gov.


Meses atrás, o FBI fez menção em 'tirar' os servidores DNS desonestos, mas sem que muitos percebessem, sorrateiramente substituiu o redirecionamento para servidores do próprio FBI.


Bom, essa conduta resulta que você fará parte do servidor da CIA / FBI / NAZI que agora sim poderão controlar com mais eficácia e rapidez qualquer suspensão de informação daqui para frente. Nada que eles já não façam nesse exato momento, mas não com tanta rapidez.

Lembrando que um twiter e uma rede de relacionamentos qualquer, passa quase que imediatamente um evento que está in loco e isso não é nada bom para os controladores do tempo com tanta câmera digital, celulares de zilhões de pixes, andando no bolso de qualquer um por aí.


Diante dessa “escolha” que nos deram – entre a cruz e a caldeirinha - todos os computadores “infectados” (como vc vai saber que está realmente?) que foram “escravizados” por esse DNS Changer para ser redicionado ao DNS servidor não autorizado de rede, ​​não serão mais capazes de acessar a Internet a partir do dia 9 de julho.


Para corrigir esse “problema” o FBI criou um website através de um grupo chamado DCWG em dcwg.org onde você pode ter o seu vírus “removido” do seu computador para que ele possa ser redirecionado para servidores “DNS legítimos” = ou seja, do FBI - então só assim você terá permissão ao acesso à Internet  de novo.


DCWG significa “DNS Grupo de Trabalho Changer", que é ela própria um consórcio daqueles que nunca saberemos se é real, formado por empresas igualmente suspeitas com nomes como Internet Systems Consortium, Forensics Mandiant National Cyber, Neustar, Cymru equipe e Trend Micro...



Nomes como os listados acima são o tipo exato de nomes de empresas de fachada da CIA / NSA / FBI – basta pesquisar se vc é um “conspiracionista como eu”.


IPng - IPv6 (Internet Protocol Version 6)

Agora vamos a historia real, ou pelo menos a que faz mais sentido.

Se “alguém” postar num Facebook, ou Twiter algo que incomode aos negativos, por exemplo, a polícia pode obter uma ordem judicial para rastrear um endereço Internet IPv4 como 64.30.224.26, mas isso pode levar tempo.

Até mês passado IPv4 estava sendo usado nas maquinas antigas com acesso a internet, mas agora a ideia é implantar o IPv6.

O esgotamento dos endereços IPv4 estava levando muitos provedores de Internet a adotar uma tecnologia de transição chamado carrier-grade Network Address Translation, ou CGN, que permite que um único endereço de Internet possa ser compartilhado por centenas de casas, ou mesmo uma cidade inteira, ao mesmo tempo. É comum ter 1.000 pessoas compartilhando um endereço de Internet.

Isso significa que isso dificulta aos negativos encontrar um sujeito rapidamente e pegá-lo usando a “lei” dos homens. Isso demanda tempo.


O IPv6 do Yahoo além de armazenar endereços IP, o seu empregador também gravará a porta de origem a partir do qual seus usuários se conectam.

Isso vai tornar mais fácil para ISPs para responder às solicitações de segurança pública sem a necessidade de infra-estrutura onerosa em qualquer parte do ISP ou a segurança pública.

Nem todos os provedores de Internet estão usando CGN. 
Comcast, por exemplo, adotou uma abordagem diferente, utilizando o que é conhecido como um "dual stack", que significa computadores de seus clientes será executado IPv4 e IPv6 simultaneamente.

O Registro obrigatório – foi exigido por um projeto de lei (FBI) aprovado no ano passado (2011) – o que seria especialmente problemático para pequenos provedores de Internet, portanto a saída foi fazer com que todos sejam desligados e re-entroduzidos no novo formato.

CALEA
A lei de 1994 chamada CALEA resultou em padrões para a indústria que obrigam as empresas de telecomunicações a tornarem suas redes prontamente preparadas para escutas telefônicas (wiretappable) pela polícia.

Em teoria, interceptar somente o tráfego IPv6 não é diferente de interceptar o tráfego IPv4. Na prática, no entanto, algumas dificuldades podem surgir. Um elemento chamado CACmII é incompatível com o IPv6.

Em 2010 o FBI impôs as empresas de telecomunicações que oferecem criptografia para construir em backdoors para a aplicação da lei, uma exigência que, provavelmente, cobrirá o IPsec.

Deixando o boi e voltando a vaca fria.

É difícil acreditar que algo tão grande como um vírus temível passou sob o radar do, NSA DIA CIA, FBI, e todas as agências do alfabeto na S.O.P.A de letrinhas.


Está claro que foi usado o sistema = Problema – reação – solução.

Nos deram um problema - Hackers malvados com seus vírus mortais.
A reação dos “mocinhos” foi a de capturar os malvados – já foi feito
A solução – livrar todas as máquinas desse mal – amém

Como 99% dos usuários de internet não fazem a menor ideia do que eles estão tramando, e muito menos como funciona a internet, a história de um vírus caiu muito bem.

E “limpar” sua máquina usando um programa do FBI então... nossa, nunca mais vc terá problemas com nenhum vírus, nem os suínos e aviários.

Resumindo.
Não sei o que irá acontecer com meu acesso a internet a partir da segunda feira dia 9 de julho...

O problema não é o FBI, pois eles já nos vigiam 24h.
A questão aqui é que; não sei se seria bom saber que minhas pesquisas serão ceifadas. Eles não permitirão que eu acesse o que eu procuro, (e olha que já fazem isso) o que tornará a função do BLOG idiota. Terei que avaliar.

As maquinas novas já estão “moldadas” a nova regra e de fácil detecção, não se preocupe. A ideia dos caras é pegar computadores em lan house que possam ser acessadas por qualquer um ou aquele velho computador esquecido na casa do seu primo com IPv4 que lhes dará trabalho para rastrear.

O fato é que eles estão apertando o cerco para que a informação sobre qualquer coisa que eles não desejem que muitos saibam, seja interrompida IMEDIATAMENTE.


E agora, com essa estratégia, eles já podem fazê-lo alicerçados com a ajuda da “lei”, bastando apenas que eles “cismem” com você e identifique rapidamente seu endereço para que um mandado de busca e apreensão seja liberado para prende-lo e cala-lo num Campo de Concentração mais próximo da sua casa.

Espero que eu não “saia do ar”. Mas se eu sair, passarei a me comunicar através das minhas palestras pessoalmente, até que um dia... eles resolvam que eu não possa mais abrir a boca...

Vamos aguardar até segunda, dia 9, e ver se a minha próxima postagem sobre Perguntas e Respostas possa seguir em frente.

laura botelho



meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos