Google

Translate my page Google

14 de fev de 2017

Video - Pra quem está despertando agora...



Esse vídeo é uma ajuda pra quem está despertando agora e está começando a unir os pontos e enxergar aquilo que a massa não enxerga, mesmo apontando, mesmo desenhando...

Aqui você terá um resumo do resumo sobre o que é a nossa vida. Um ponto de partida para que você continue pesquisando, encontrando sua trilha. 

Quem tem conhecimento tem PODER - poder de escolha.

5 de fev de 2017

Video - testemunha do acidente que matou Teori conta o que não saiu na TV


Alguém soube sobre essa testemunha? Passou no Fantástico? No jornal Nacional? 
Precisou uma pessoa ir até ele e gravar essa visão dos fatos que não fica notório na mídia Televisiva? 

Mataram o Juiz Teori, bem como todos os outros facilmente, pois sabem como fazer isso. Aprenderam com a CIA. Não importa o que derrubar, se um prédio, dois ou vários aviões... eles têm certeza absoluta que a maioria optará por não crer que algo assim possa ser feito - escancarado.

A maioria opta pela negação, olhar para o lado, não querer ver... a realidade é tão cruel que fazer de conta poupa energia. Mudar comportamentos, mudar pensamentos, mudar discursos falidos, tomar uma posição e ter que agir... dá muito trabalho...

A maioria tem pavor daquilo que não sabe lidar. Prefere a paz da ignorância ao turbilhão da evolução da consciência. 

Cada dia mais fico certa de que vivemos num "mundo" "faz de conta".
Faz de conta que temos leis
Faz de conta que temos justiça em todo território brasileiro
Faz de conta que quem nos governa quer o bem dos cidadãos brasileiros - governa para o povo
Faz de conta que somos uma pátria laica e democrática...
Faz de conta que não existe "conspiração" - isso é coisa de gente maluca ou desocupada...
Faz de conta...

laura botelho

Assista antes que tirem do ar - ou "suicidem" o barqueiro...



2 de fev de 2017

Seu cérebro numa cuba


"Cérebro de Spock"
é o primeiro episódio da terceira temporada da série de televisão Star Trek, transmitida pela primeira vez em 20 de setembro de 1968. 

Jornada nas Estrelas
Os fãs da série chamaram este titulo um dos piores episódios da série.

Eu até entendo que os cérebros dos anos 60 estavam em estado “primitivo”, pois não sabiam ¼ do que sabemos hoje - em poucas semanas.

Com o advento da internet - que expandiu e acelerou a consciência humana – a informação catapultou o conhecimento.

Esse episódio é um clássico, que em poucas falas, nos dá uma pitada do que “eles” já sabiam e queriam que a gente soubesse também... Talvez no momento certo, não antes, mas só agora, onde temos mais peças para esse quebra cabeças.

A “ficção” apresentada na época era tão absurda que chegava a ser patética para os fãs dessa linha de pensamento. Mas vamos tirar as partes que interessam e ampliar esse rascunho do mapa das “estrelas”.

Spcok teve seu cérebro roubado por uma mulher alienígena, ou seja, do tipo humanóide, de saia curta, cabelos bem feitos e vestes da moda. Seu planeta foi identificado como primitivo, em estado glacial, no sistema de estrelasSigma Draconis”.

O planeta em questão, não tinha nenhum sinal de desenvolvimento industrial, sem o qual não seriam capazes de lançar um vôo interestelarNenhum sinal de civilização organizada, muito primitiva, tipo a nossa...

A mulher que “roubou o cérebro de Spock” tinha medo de um grupo denominado pelos habitantes de seu planeta de “os outros”. Perguntado quem eram “os outros” a mulher primitiva só dizia que eles eram os doadores de dor e prazer

O prazer era gerado pelas fêmeas que atenciosamente mantinham a todos alimentados e felizes, já a dor era gerada por um aparelho preso a cintura que descarregava uma energia paralisante e dolorosa, caso não se comportassem bem.

Eles precisavam de um controlador para seu planeta, que viveria por dez mil anos, e teria toda a devoção de seus súditos, seria um deus. Lembrando que a mente alien de Spock era ideal, trabalhava racionalmente e não entendia bem as emoções humanas, tal qual um computador.

Os habitantes desse planeta congelado viviam abaixo da superfície. Tudo começou milhares de anos atrás, quando uma era glacial deu inicio. Este complexo subterrâneo foi desenvolvido para as mulheres. Os homens permaneceram acima e houve um cisma masculino-feminino. Capitão Kirk ofereceu ajuda a esses “indivíduos primitivos” ensinando-lhes a construir casas, para se aquecer, para trabalhar e seguir sua evolução...

E tem gente hoje que ainda não entendeu nada...


O cérebro em uma cuba é um cenário “utópico” usado em uma variedade de experimentos mentais destinados a tirar certas características de nossas ideias de conhecimento através da remoção do cérebro de uma pessoa sustentando-o em um tanque e conectando seus neurônios por fios a um supercomputador que fornecerá impulsos elétricos idênticos aos que cérebro normalmente receberia. 

O "desencarnado" cérebro continuaria a ter experiências conscientes perfeitamente normais, como as de uma pessoa com um cérebro encarnado. O cérebro em uma cuba é uma versão contemporânea do argumento dado por Platão em “Alegoria da Caverna” – os prisioneiros têm medo de sair da caverna (segurança) para investigar o desconhecido (liberdade) – Dor e prazer mantém os humanos no mesmo lugar.

Bill Gates participou de um evento em Davos, na Suíça, no dia 19/01/2017, para discutir a “possibilidade real de uma epidemia mortal” e os passos que os governos poderão tomar para detectar e prevenir essa ameaça global...

 A Coligação para a preparação ou CEPI . http://cepi.net/  promoveu discussões sobre a preparação para uma epidemia, dando início em março de 2015 com uma reunião de "especialistas" em Berlim. 

Essa discussão foi convocado pela chanceler alemã Angela Merkel, na preparação para o G7, presidida por Bill Gates.


O surto de Ebola na África Ocidental e Zika nas Américas são os casos mais recentes que deram a brecha para toda essa estratégia diabólica para a condução de extermínio em massa (vacinação)

Entenda que; para que um “agente” epidêmico permaneça é necessário que o ambiente esteja caótico, tenso e frágil – um espelho interno do nosso organismo para a manutenção dos “agentes” previamente introduzidos pelas vacinas.

As vacinas não “salvam” vidas, elas introduzem mecanismo vivos e danosos ao nosso organismo limpo e regualado. Para que esses organismos se proliferem, ganhem espaço, o sistema de defesa interno do organismo precisa estar frágil, estressado, acido...

Há dois valores essências para uma vida satisfatória
Uma é segurança e a outra liberdade
Segurança sem liberdade é escravidão
Liberdade sem segurança é um completo caos, incapacidade de planejamento futuro, incapacidade de realização de planos futuros.

Cada vez que você tem mais segurança você tem menos liberdade
Cada vez que você tem mais liberdade, você entrega mais sua segurança.
Perde-se algo, ganha-se algo... Precisamos encontrar um caminho do meio.

Segundo define Rudolf Steiner, a Antroposofia é "um caminho de conhecimento.

Antroposofia procura responder às perguntas mais profundas do homem por meio da razão, porém sem negar-lhes anseios espirituais.


A Antroposofia entende que o que distingue o homem dos “outros seres” da natureza é a sua capacidade de decidir sobre si mesmo e de fazer escolhas conscientes.

As emoções e sensações que acompanham a experiência de aprender dão sustentação ao que é captado intelectualmente. A aprendizagem que privilegia apenas o intelecto, dificilmente atinge o ser humano por inteiro.

Pensar, sentir e agir é o caminho da aprendizagem.
Quando a informação é elaborada no intelecto (pensar), passa pelos órgãos dos sentidos (sentir) e determina uma vontade (agir), ela se transforma em conhecimento.

Segundo William Glasser, aprendemos:
10% do que simplesmente lemos,
20% do que simplesmente escutamos
30% do que apenas vemos.
Aprendemos 70% do que debatemos. 
Aprendemos 80% do que experiênciamos.
Aprendemos 95% do que ensinamos aos outros.

Por esse motivo ainda faço palestras. Aprendo muito com isso

Na língua ucraniana palavra para "absinto" é "Chernobyl".
A cidade foi evacuada em 27 de abril de 1986, dois dias após o evento catastrófico na central nuclear de Chernobyl.

Embora a palavra absinto apareça várias vezes no Antigo Testamento, traduzido do hebraico  que significa "maldição", sua única menção no Novo Testamento está no Livro do Apocalipse:

(Apocalipse 8: 10-11)
"o terceiro anjo tocou a sua trombeta, e uma grande estrela, ardendo como uma tocha caiu do céu sobre a terça parte dos rios e sobre as fontes das águas, o nome da estrela é Absinto - um terço das águas transformou amargas, e muitas pessoas morreram das águas”.

Não entendeu nada? Deixa pra lá... talvez precise de mais algumas peças. 
Quem sabe daqui mais 10 mil anos...

Laura botelho




meus livros

meus livros
Click na imagem para comprar

Vulcões ativos